Ferrari 812 Superfast

Ferrari 812 Superfast

O lançamento de um novo Ferrari é sempre um acontecimento e quando tem umas linhas atraentes, faz explodir corações. É o que se passa com o novo 812 Superfast, o substituto natural do F12 berlinetta de 2013.

Dois lugares, traseira curta e o capot longo, que aloja um V12 imponente de 6.5 litros aspirado, sem turbos nem motores eléctricos, com um ronco harmónico para qualquer ouvido que não seja surdo. São 800 cavalos às 8500 rpm e 718 Nm de binário máximo, o mais potente motor de um Ferrari de produção, numa história que se iniciou em 1947.

Acoplada a esta maravilha mecânica transalpina, está uma caixa de velocidades de dupla embraiagem de sete relações, prometendo passagens rápidas, plenas de adrenalina. Os números falam por si, são mais de 340 km/h de velocidade máxima e 2.9 segundos dos 0 aos 100/h. A tracção é transmitida às rodas traseiras.

Outra evolução deste novo Ferrari, é a direcção assistida eléctrica. Isso mesmo, quando o meu velhinho Seicento de 2001 já tinha esta opção, a Ferrari ainda não tinha chegado lá (ou não queria chegar lá). Mas não vamos comparar, apesar de pertencerem ao mesmo grupo, um micro Fiat nada tem a ver com um esbelto Ferrari.

Como já acontecia no F12, o eixo traseiro é direccional (Virtual Short Wheelbase) e permite aumentar a agilidade em mudanças de trajectória. O controlo electrónico de estabilidade dispõem da função “Ferrari Side Slip Control”, que permite entrar nas curvas com certo ângulo de derrapagem.

O tom vermelho “Rosso Setenta Anni” é novo, foi criado para comemorar os 70 anos da marca e dos modelos V12.

Texto: Vítor Penedo
Fonte: Ferrari

(262)

Partilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Google+
http://www.4rodaspt.com/2017/03/ferrari-812-superfast/
Twitter
SHARE