Mitsubishi Eclipse Cross

Mitsubishi Eclipse Cross

O Eclipse Cross, faz renascer o nome histórico de um desportivo, fabricado por quatro gerações, entre 1989 e 2011. A silhueta de coupé mantém-se, mas adiciona-se o ingrediente mágico “crossover”, transformando o novo Eclipse, num SUV compacto, posicionado entre o ASX e o Outlander.

Tendo por base os protótipos XR-PHEV e XR-PHEV II de 2013/2015, o Eclipse Cross mede 4.40 metros de comprimento e considera-se uma alternativa aos Seat Ateca, Mazda CX-5 e ao bem sucedido Nissan Qashqai.

É conservador na secção dianteira, remetendo-se ao Outlander, e radical atrás, com uma linha a separar o vidro traseiro em duas partes, bem ao estilo do Honda Civic 2012.

Quanto à mecânica, apenas uma motorização, na fase inicial de lançamento: 1.5 Turbo de 160 cavalos, a gasolina, associada a uma caixa de velocidades de variação contínua de oito relações e tracção integral, controlada electronicamente, de modo a manter bons consumos em estrada.

Mais tarde, será adicionada uma motorização Diesel, 1.6 litros de cilindrada, com potência ainda desconhecida à data deste artigo. A Mitsubishi não nega a introdução de uma versão híbrida plug-in, similar ao Outlander PHEV, mas é cedo para confirmar.

A título de curiosidade, a cor de carroçaria mostrada nas fotos, o vermelho brilhante, foi desenvolvido especificamente para este modelo, estando inspirado nas tonalidades que se apreciam durante um eclipse solar.

O Eclipse Cross será lançado oficialmente, durante o próximo Salão de Genebra, daqui a poucos dias. Chegará ao circuito comercial no final deste ano.

Talvez seja o último Mitsubishi a nascer pela mão da marca nipónica dos três diamantes, agora que 34% das suas acções foram compradas pelo consórcio Renault-Nissan, mas garantidamente, o melhor de sempre.

Texto: Vítor Penedo
Fonte: Mitsubishi Motors

(327)

Partilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Google+
http://www.4rodaspt.com/2017/03/mitsubishi-eclipse-cross/
Twitter
SHARE